VÍDEO: PM do DF, em cadeira de dentista percebe assalto e passa fogo em 2

 

Policial era atendido quando ladrões entraram e renderam pacientes e funcionários. Militar conseguiu sacar arma, feriu um dos assaltantes e prendeu outro; nada foi roubado.


As câmeras de segurança de uma clínica odontológica em Ceilândia, no Distrito Federal, flagraram uma tentativa de assalto nesta quinta-feira (11) e a reação de um policial militar que era atendido na cadeira da dentista. As informações são do g1.

O vídeo mostra, primeiro, a chegada de dois homens, que entraram no local e sentaram nas cadeiras da sala de espera (veja abaixo).

Eles anunciaram o assalto quando a recepcionista chegou. Os pacientes, que estavam esperando, foram rendidos e levados para um consultório.

Mas, ao notar que funcionários da clínica e pacientes estavam entrando na sala, ameaçados por um dos ladrões, ele saiu da cadeira e deitou no chão.O que os assaltantes não sabiam é que, lá dentro, a pessoa atendida era um policial militar. O vídeo mostra que o subtenente demorou alguns segundos para perceber a movimentação atrás dele.

Nas imagens é possível ver que uma mulher tenta correr, mas é empurrada de volta, para dentro do consultório, pelo assaltante que estava no corredor.

Foi neste momento que o outro homem se aproximou do PM, com uma faca na mão. O militar reagiu, entrou em luta corporal com ele, e conseguiu pegar a arma que estava na sua cintura.

O policial conseguiu render o assaltante que estava dentro do consultório. No entanto, quando ele saiu para o corredor, acabou atacado pelo segundo ladrão. O PM atirou no braço do suspeito, que caiu no chão.

Segundo a Polícia Militar do DF, o assaltante foi socorrido e levado, consciente, para o Hospital Regional de Ceilândia. O outro homem foi preso em flagrante.


Postar um comentário

1 Comentários

  1. Parabéns para esse herói da nossa Coirmã PMDF !
    Força e Honra !

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa por ventura ser interpretado, pelos órgãos de correição, como transgressão da disciplina, crime militar ou comum. Neste espaço não é permitido a discussão de temas militares, por conta da legislação castrense. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.