Ciro Gomes: “Estou seguro de que o Lula conspirou pelo impeachment da Dilma”




Ciro Gomes do PDT pré-candidato à Presidência da República, disse que Luiz Inácio Lula da Silva “conspirou” pelo impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), em 2016.

Como base a suas afirmações, Ciro mencionou o fato de Lula ter mantido contato com integrantes do chamado ‘centrão’ e pensar em alianças com o grupo para as eleições de 2022. “Eu atuei contra o impeachment e quem fez o golpe foi o Senado Federal.
Ele apontou como prova dessa ação de Lula, as recentes conversas do petista com líderes do MDB, principal partido beneficiado com a cassação da ex-mandatária.Em entrevista concedida do jornal O Estado de São Paulo, Ciro enfocou os contatos atuais de Lula com o senador Renan Calheiros (MDB-AL) e o ex-senador Eunício Oliveira (MDB-CE), que à época apoiaram e votaram a favor do impeachment.

“Eu atuei contra o impeachment, e quem fez o golpe foi o Senado Federal. Quem presidiu o Senado? Renan Calheiros. Quem liderou o MDB nessa investida? O Eunício Oliveira. Com quem o Lula está hoje?”, iniciou. “Hoje, eu estou seguro de que o Lula conspirou pelo impeachment da Dilma, estou seguro”, declarou Ciro na entrevista

Postar um comentário

0 Comentários