Insatisfação de parte do eleitorado se resolve nas urnas, afirma Nunes Marques



Ministro do STF defende que impeachment não pode ser ferramenta de "assédio e pressão" de minorias descontentes



Ministro Nunes Marques | Foto: Fellipe Sampaio /SCO/STF


O ministro do Supremo Tribunal Federal Kassio Nunes Marques disse que insatisfação com o presidente deve ser resolvida nas urnas e que o impeachment não pode ser ferramenta de “assédio e pressão” de minorias descontentes que desejam “revogar o resultado das eleições”.

A manifestação consta de processo despachado pelo ministro na sexta-feira 30. Ele negou um mandado de segurança que pedia providências e acusava o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), de demora e omissão na análise de um pedido de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro apresentado em março de 2020. Disse Afonso Marangoni da Revista Oeste

Postar um comentário

0 Comentários