Mulher toma arma de policial dentro de delegacia e dá tiros para o alto, no DF


A mulher foi detida pela PMDF no Arapoangas por agredir a mãe a irmã. Na delegacia, ela teria se recusado a assinar o termo circunstanciado de ocorrência (TCO)



(crédito: Material cedido ao Correio)

Uma mulher, presa pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) por agredir a mãe e a irmã em Planaltina neste sábado (17/4), tomou a arma de um policial civil dentro de uma delegacia do DF e disparou tiros para o alto. Fontes policiais informaram que ela teria se recusado a assinar o termo circunstanciado de ocorrência (TCO). Ninguém ficou ferido.

A mulher foi detida no Arapoangas por lesão corporal contra familiares. Ao chegar na delegacia de Planaltina, ela teria discutido com as autoridades policiais e se recusado a assinar o TCO. Os policiais, então, montaram um cerco para prendê-la, momento em que ela teria pegado a arma de um agente e atirado para o alto.

A situação foi controlada pouco tempo depois, quando a acusada se rendeu e se deitou no chão. Ela foi detida. Informa o CORREIO BRAZILIENSE

Postar um comentário

0 Comentários