Agentes são feitos reféns durante rebelião em presídio de Manaus



Alteração no presídio em Manaus teve início às 6h deste sábado (2). Não há registro de mortes.


Os detentos da Unidade Prisional do Puraquequara, em Manaus, iniciaram uma rebelião com reféns na manhã deste sábado, 2 de abril. 

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que sete agentes penitenciários foram feitos reféns. Ainda não há informações sobre mortos.

O órgão explicou que a rebelião teve início por volta das 6h, durante o café da manhã, quando detentos serraram a grade de duas celas e avançaram nos agentes. 

Atualmente, 1.079 presos estão retidos na instituição prisional. De acordo com familiares, a rebelião é para exigir melhores condições dentro do presídio.

Em nota à imprensa, a Secretaria de Administração Penitenciária informou que os presos “exigem a presença da imprensa e dos direitos humanos”.

Postar um comentário

0 Comentários