Bahia: Policiais femininas devem revistar mulheres trans no Carnaval

Resultado de imagem para lgbt
A Defensoria Pública do Estado (DPE-BA) recomendou à Polícia Militar da Bahia (PM-BA) que policiais femininas passem a revistar mulheres transexuais e travestis. A iniciativa deve começar a valer no Carnaval. Um ofício direcionado ao comandante geral da corporação, coronel Anselmo Brandão, parte dos princípios do respeito à dignidade à pessoa humana e do reconhecimento do direito da pessoa em se identificar como do gênero feminino ou masculino. A recomendação é válida para todo o ano. Além de especificar o gênero do profissional a revistar mulheres trans e travestis, a recomendação também sugere que homens trans escolham a forma de revista mais adequada para si mesmos – se revistados por um policial do gênero masculino ou por uma policial do gênero feminino. SSP Bahia

Postar um comentário

0 Comentários