Madrugada violenta: DF registra cinco assassinatos em menos de 24 horas


Casos de homicídio, feminicídio e latrocínio ocorreram entre as 22h de domingo (29) e as 2h desta segunda-feira (30).


Por G1 DF e TV Globo


Fachada da 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá) do Distrito Federal — Foto: TV Globo/Reprodução

A Polícia Civil registrou pelo menos cinco assassinatos no Distrito Federal entre as 22h de domingo (29) e as 2h da manhã desta segunda-feira (30). Até a última atualização, todos os casos tinham suspeitos foragidos.

Em uma das ocorrências, um homem de 39 anos foi morto após reagir a um assalto, por volta de 1h30 desta segunda (30), na quadra 2 do Paranoá. Cláudio Dias de Carvalho foi abordado por uma mulher e outros dois homens ao chegar em casa.

Segundo a ocorrência, a vítima se recusou a entregar os pertences e, então, foi agredida no pescoço com golpes de faca. A suspeita foi detida. Já os dois comparsas fugiram no carro da vítima.

Ainda de acordo com a polícia, a mulher chegou a ser agredida por moradores da região. Os agentes contiveram o tumulto e levaram a suspeita para a 6ª Delegacia de Polícia (Paranoá). O caso foi registrado como latrocínio – roubo seguido de homicídio.


Feminicídio no Riacho Fundo

Por volta das 22h, uma mulher foi encontrada morta no Riacho Fundo I. O principal suspeito é o marido da vítima. Testemunhas ouviram discussões no apartamento do casal.


Assassinato na rodoviária

Um homem morreu após ser esfaqueado na Rodoviária do Plano Piloto, em Brasília. O crime ocorreu por volta da meia-noite deste domingo (29). Até a última atualização desta reportagem, a polícia não tinha identificado a vítima e nem o autor do assassinato.

Homicídio em Samambaia

Um homem foi atingido por cinco tiros durante uma festa na QR 516, em Samambaia. O homicídio também ocorreu por volta da meia-noite deste domingo (29). A Polícia suspeita de acerto de contas. O caso está sendo investigado.

Baleado no Gama

Um homem foi morto a tiros na quadra 9 do Setor Leste do Gama. O assassinato ocorreu por volta das 2h da manhã. Não há informações sobre a autoria do crime.

Postar um comentário

0 Comentários