Suicídios entre agentes de segurança no Brasil mais que dobrou em 2018


O Grupo de Estudo e Pesquisa em Suicídio e Prevenção (GEPeSP) divulga o Boletim de Notificações de Mortes Violentas Intencionais e Tentativas de Suicídios entre Profissionais de Segurança Pública no Brasil. Os dados inéditos mostram que o número de *suicídios entre agentes de segurança no Brasil mais que dobrou em 2018*.

O GEPeSP monitora e sistematiza desde 2016 as notificações de mortes violentas intencionais (suicídio consumado, homicídio seguido por suicídio e as mortes por causa indeterminada), bem como as tentativas de suicídios entre profissionais de segurança pública. Os casos relatados envolvem profissionais da Polícia Civil, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros Militar, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal de 19 unidades federativas brasileiras.

Postar um comentário

0 Comentários