Cenas fortes!! Três detentos são mortos durante briga de facções em presídio do Pará






Uma briga entre facções no Centro Regional de Recuperação de Redenção (CRRR), no Pará, deixou três mortos e três feridos, na manhã deste domingo (12), segundo informação da Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe).
De acordo com a Susipe, o alvo era o preso Marco Aurélio Fileski, conhecido por Baiano. “Ele foi transferido da Bahia para Redenção, onde teria cometido homicídio, o que o levaria ao Tribunal do Júri, no próximo dia 14.
Segundo a nota divulgada pelo órgão, "Baiano" tinha suposto vínculo com a facção PCC e estava custodiado em uma cela isolada devido às ameaças recebidas.

As informações preliminares, dão conta que outros dois internos, identificados como Cícero Gomes Feitosa e Rai Souza Veiga, foram mortos e oferecidos como "brindes", expressão usada entre os internos, quando um detento é executado para agradar uma liderança. Pois, um dos mortos era acusado da morte do irmão de um líder, que está custodiado no mesmo presídio. A Susipe informou também que cinco pessoas chegaram a ser feitas reféns, mas já foram liberadas.
Representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Promotoria de Justiça, o juiz da comarca e a diretores da unidade prisional participaram das negociações. “Ao encerramento dos atos, na tarde deste domingo, uma revista geral foi realizada e será aberto procedimento disciplinar penitenciário”, diz a nota.






Postar um comentário

9 Comentários

  1. Se não posso depositar aqui minha revolta, então vou ficar na minha.. Só quem pode se manifestar é o vagabundo.

    ResponderExcluir
  2. manda pra Maria do Rosário ... gostaria muito de ver o comentário dela sobre esses "BEBÊS" ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Maria do Presidiário e toda a classe política aliada à ideologia dela, que sempre veem esses "coitados" como vítimas da sociedade.

      Excluir
  3. meu DEUS do ceu! nao sao humanos,passei mal quando vi a cena,nao acredito que ha pessoas que ainda defedem esse tipo de malfeitor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não dá pra acreditar q isso é humano, pessoas assim simplesmente não poderiam existir não merecem perdão nem de deus,e q deus dos proteja pq o mundo não é brincadeira✊😔

      Excluir
  4. Se essas atrocidades ficassem só entre eles mesmo, seria muito benéfico para a sociedade em geral. Porém, esses malditos fazem o mesmo quando conseguem alcançar um policial ou qualquer cidadão trabalhador por aí.

    ResponderExcluir
  5. Cenas chocantes , essa realidade de quem escolhe esse caminho q muitas vezes eh sem volta

    ResponderExcluir
  6. Que se matem. São lixos humanos da pior espécie

    ResponderExcluir
  7. São criaturas com comportamentos totalmente animalescos, grotescos, primitivos. São psicopatas de elevado grau, sem nenhum tipo de compaixão pelo próximo e muito menos empatia. Eles precisam ficar longe da sociedade para sempre, trancados em jaulas. São seres sem a menor possibilidade de recuperação.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa por ventura ser interpretado, pelos órgãos de correição, como transgressão da disciplina, crime militar ou comum. Neste espaço não é permitido a discussão de temas militares, por conta da legislação castrense. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.