Cidade Ocidental: Operação "ANJO MAU" Prende Pastor que estuprava criança de 10 anos

OS ABUSOS OCORREM DESDE QUE ELA POSSUÍA 05 anos ; O LAUDO DE CONJUNÇÃO COMPROVOU QUE ELE MANTEVE RELAÇÃO SEXUAL COM A VÍTIMA

A Polícia Civil de Goiás , por meio da Delegacia de Cidade Ocidental-GO, deflagrou na data de hoje a operação "ANJO MAU", ocasião em que deu -se cumprimento a mandado de prisão preventiva em desfavor de :JAAB , considerando a prática de diversos crimes de estupro de vulnerável em desfavor de uma criança de 10 anos .

Da investigação 

Apurou -se que JAAB  era pastor na mesma igreja na qual a genitora da criança frequentava . Tendo em vista as dificuldades econômicas enfrentadas pela mãe da vítima , o investigado , em um primeiro momento ganhou a amizade e a confiança da família ,  através do oferecimento de ajuda financeira (alimentação , aluguel, etc) ajuda esta, muitas vezes angariada junto aos próprios fiéis da instituição.

A mãe das crianças trabalhava como diarista em Brasília e não tinha com quem deixar  os filhos . Aproveitando -se desta necessidade , JAAB fez uma chave da casa e frequentava o local nos períodos em que a mãe se ausentava , sob o pretexto de "cuidar " dos menores e, era justamente nesses períodos que ele praticava os estupros em desfavor da menor T.S.

A genitora  suspeitou dos estupros sofridos pela filha por conta do ciúmes excessivo apresentado pelo investigado em relação a menor e , de imediato procurou a Delegacia .

À Polícia Civil, a criança relatou que era estuprada pelo autor desde que tinha 5 anos , e que os crimes ocorriam nos momentos em que sua  mãe se ausentava do lar para ir ao trabalho, ocasião em que era obrigada a fazer sexo oral e a manter relação sexual com JAAB .

Em seguida , fora requisitado junto ao IML  laudo de prática sexual delituosa , onde comprovou-se que o autor mantivera relação sexual com a criança . 

Com base nos fortes indícios de autoria e materialidade do crime de estupro , a Polícia Civil representou pela prisão preventiva de JAAB junto ao poder judiciário local , que após decretada , fora cumprida na data de ontem, no instante em que o autor chegava em sua casa .

Em seu interrogatório , o investigado confessou a prática dos crimes.


Por: PCGO

Postar um comentário

1 Comentários

  1. Parabéns à gloriosa PCGO, melhor policia de Goiás!!
    Pra cima!

    ResponderExcluir

ATENÇÃO!!!! COMENTÁRIOS LIBERADOS!!!! MAS...O BLOG não se responsabiliza por comentários que contenham ataques pessoais e ou ofensas a pessoas físicas, jurídicas ou conteúdo que possa por ventura ser interpretado, pelos órgãos de correição, como transgressão da disciplina, crime militar ou comum. Neste espaço não é permitido a discussão de temas militares, por conta da legislação castrense. Na medida do possível o administrador do BLOG irá moderar os comentários que julgar necessário.