CLIPPING DA SEMANA (e no sétimo dia, escrevi...)

Desabamento de Mina

No Afeganistão, 30 pessoas morreram. Era uma mina de ouro irregular. Moradores cavaram um poço de 60 metros no leito de um rio para procurar ouro. As paredes desmoronaram. Outras 7 pessoas ficaram feridas.

Terremotos

Nos últimos dias, terremotos na escala:
Na Indonésia, 6,6. 
No Irã, 5,5. 
No Acre, 6,8.

Caso Celso Daniel

Klinger, que já foi eleito vereador pelo PT em Santo André, mas não assumiu para continuar sendo Secretário Municipal de Transportes na gestão de Celso Daniel, foi condenado em novembro de 2017 a uma pena de 14 anos, mas permaneceu foragido até o dia 25 de dezembro, quando foi preso. O caso da morte do prefeito Celso Daniel em 2001, ainda permanece com muitas lacunas, e pretende-se ouvir agora o marqueteiro Marcos Valério. A 27ª fase da Lava Jato, batizada de Carbono 14, em 2016, reacendeu o assunto ao descobrir detalhes que ainda eram desconhecidos.

Primeiro PM morto do ano no Rio

No sepultamento do primeiro PM morto de 2019 no Rio, governador Witzel prometeu 'aniquilar e asfixiar' o crime organizado, além de dar maior apoio aos agentes de segurança. Em operação conjunta das polícias do RJ para prender os assassinos do PM, várias pessoas foram presas, além da apreensão de muitas drogas e produtos de roubo.

Feminicídio

Foram tantos casos ocorridos na última semana, em todo o país, que nem vale a pena detalhar. Além de casos de violência, também.

Venezuela

Juiz do Supremo Tribunal fugiu do país com medo de perseguição após romper com o governo. Maduro então mandou anunciar que ele fugiu por estar sendo investigado por crimes sexuais. O juiz Zerpa chegou à Flórida, e está disposto a colaborar com os EUA nas investigações sobre corrupção e violações de direitos humanos do governo Maduro.
O Parlamento Venezuelano rejeitou a legitimidade de 2º mandato de Maduro. Novo chefe do parlamento tomou posse no sábado e discursou contra o presidente reeleito. Novo mandato do ditador começará nesta quinta-feira. Maduro acusa o Grupo de Lima de ajudar os EUA no golpe contra seu governo.
Observatório Venezuelano da Violência alerta para a epidemia de homicídios que está ocorrendo nos últimos anos.

Crise no Ceará

Já são mais de 115 ataques cometidos por facções criminosas em 33 cidades do Ceará, a partir da ordem dada de dentro de um presídio na última quarta feira.
2 bandidos morreram trocando tiros com a PM, e 110 pessoas já foram presas desde o início da onda de violência.
Uma antena foi atacada e deixou 12 cidades sem sinal de telefone.
Bolsonaro deu entrevista e disse que Moro foi rápido em autorizar as tropas, e teria sido ainda mais rápido se o governador tivesse oficializado o pedido antes. Falou também que não há motivo para não ajudar o Ceará, mesmo que o governador de lá seja de uma posição tão oposta ao Governo Federal.
O Governo do Ceará anunciou na noite de ontem que já iniciou a transferência de líderes de facções para um presídio federal.

Como tudo começou

Camilo Santana, governador reeleito pelo PT no Ceará, em seu primeiro mandato fez acordos com as facções, que passaram a ter seus membros agrupados dentro dos presídios. Nas celas, há tomadas elétricas para ligar carregadores de celular. Agora, em seu segundo mandato, o governo do Ceará anunciou que irá fiscalizar com mais rigor a entrada de celulares nos presídios, além de acabar com o domínio das facções no estado, e encerrando a separação de bandidos nos presídios. Os ataques tiveram inicio na quarta feira, dia 2, um dia após a posse do Presidente e dos Governadores.

Fraude na Previdência

Bolsonaro pode editar hoje, Medida Provisória contra fraudes na Previdência.

Muro do México

Trump anunciou que pode decretar emergência nacional para construir o muro na fronteira EUA/México, já que não conseguiu que o Congresso aprovasse o orçamento de US$ 5 bilhões. Trump também afirma que o assunto é de Segurança Nacional.

Operação Greenfield

Palocci dará depoimentos em Brasília a partir de hoje, sobre irregularidades em fundos de pensão. Segundo Palocci, Lula favoreceu montadoras em troca de propina para o filho.

Ônibus e Metrô SP

A partir de hoje, ônibus da capital paulista passa a custar R$ 4,30. Metrô passará ao mesmo valor a partir de domingo, dia 13.

Maia ou Freixo?

Para o próximo mandato de presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Freixo, do PSOL, já apresentou sua candidatura, assim como Rodrigo Maia do PMDB que irá para o terceiro mandato. Maia é investigado por corrupção, porém até o PSL declarou apoio à sua reeleição, uma vez que a vitória de Freixo seria desastrosa para o país. Além de estar na linha sucessória da Presidência da República na ausência do presidente e do vice, o Presidente da Câmara pode barrar ou acelerar votações de projetos importantes para o país.

Gusttavo Lima X Alexandre Pires

Cantores se desentendem por causa de horário dos shows, e a briga se estende pelas redes sociais.

Coletes Amarelos

Coletes Amarelos retomaram protestos após a prisão de um dos líderes. A atriz Brigitte Bardot diz que entende e apoia os Coletes Amarelos.

Muita saúde, paz, harmonia e força!

Uma excelente segunda feira, e uma ótima semana, repleta de boas notícias para você e sua família!

Airton Alvares, 07/01/2019, São Paulo, SP.

Postar um comentário

0 Comentários