Ibaneis precisa de “contas mágicas” para pagar reajustes


(...) A promessa de Ibaneis é a paridade dos salários da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) com os da Polícia Federal (PF). Se a medida – que representaria um reajuste de 37% – for aplicada também para a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros, impactaria em R$ 2,8 bilhões a folha de pagamento. Somados à terceira parcela do reajuste, os aumentos resultariam em uma despesa extra de R$ 4,4 bilhões anuais, conforme cálculo da Seplag.(...)
(...)Os recursos referentes ao Fundo Constitucional do Distrito Federal (FCDF), entretanto, são deduzidos das contas da LRF.(...) Os trechos acima são do Metropoles link:https://bit.ly/2Rxzspq
O blog teve acesso a um membro da equipe de transição que afirmou: 
O governador eleito está muito empenhado em garantir o recursos necessários.
Promessa feita, até que se prove o contrário, deve ser cumprida.

Temos que aguardar janeiro e pararmos com a teoria conspiratória do caos governamental entre PMs e BMs. 

Postar um comentário

0 Comentários