Conduta dos PM,s que neutralizaram bandido que fazia idosa refém em Valença-RJ será avaliada


O Ministério Público do Rio de Janeiro abriu uma investigação para avaliar a conduta dos policiais que mataram um "jovem" que fazia uma idosa refém em Valença-RJ.


O juiz responsável pela abertura da investigação alegou que os policiais agiram de forma excessiva ao atirarem mais de 2 vezes contra o jovem que não teve chances de reação.
O inquérito pede o afastamento dos PM's até que a investigação seja concluída.

Câmeras de segurança e vídeos que circulam na internet serão usados para avaliar a ação, e caso se confirme o excesso de força, os policiais serão expulsos da corporação e poderão ser presos por homicídio doloso, quando há intenção de matar. É que aponta a site O Congresso (link)

Postar um comentário

0 Comentários